terça-feira, 11 de novembro de 2008

E então, tá a fim de sacanagem?


Gato grego
Agita
crepita nas coxas...
Olha pra dentro do decote
e levita...
Instiga a Íris
Me sarra gostoso...
Me chama de gata
Me arrocha...
Encosta e sente o volume
na frente
Meu capô de fusca...
Meu triângulo de ponta.
Ponta de sal
ponta de lança
Lança mão do pau e se toca...
Um banjo?
Uma cuíca?
Qualquer arranjo...

2 comentários:

Metalwizard disse...

Sim, sim, sim, sim! Louquinho! Doidinho! Alucinado! Por teu decote, coxas e todo o paraíso que se esconde e que em seguida se mostra em teu ser feminino.. Bjs.

PROMETO TE AMAR disse...

ai fico louquinha, doidinha, querendo amalo agora quando para e me concetro nessas, coisas................
que so quem faz é quem sabe explicar!!!