terça-feira, 25 de novembro de 2008

Homem dos meus desejos...


Realizo-me em ti. Te dispo em minhas mãos serenas e mornas. Te levo ao êxtase da águia em pleno vôo... solto em abismos pelo teu corpo nu, corpo de santo e pecador. E na oratória mais pura, eu ajoelho no teu altar em mantras e rezas profanas... Homem de vícios e ópios. O cânhamo que ostenta as minhas partes... meu racho, meus meios, minhas nesgas... Leve-me com você e embaralhe nossas pernas, nossas coxas... Rocemos os nossos pelos... pentelhos... Homem-lobo-bruxo... meu oráculo mais tesudo. Te uso e abuso... me lambuzo e me esfrego... Você é a minha insensatez mais mundana. Doidivanas! Lindo, traz o lindo e me detenha... me tome nos braços, me beberique na boca, me lamba a saliva suada de menina vadia. Sou TUA! Sempre fui. Tua deusa, tua tara, teu desejo sem frescuras... Tua bandida e atrevida. A que te bebe na tasca dura, a que te sangra nas coxas e depois lambe dengosa e cheia de manhas... Bruxo mais lindo. Sou muitas mas apenas uma... A sua fêmea exposta. Lamba!

4 comentários:

Dando a Bunda pra Bater disse...

Amiga Bandida. Respondendo ao que perguntaste lá no DBB, se desobedecer e sentar na grama, vai aparecer, de imediato, a Marta Suplicy segurando uma outra placa, dizendo: "Relaxa e goza!"

É isso.

Beijos,

Enfil

suavesencantos disse...

Texto tesudo,delicioso de ler,desperta desejos,


bjs.

Olavo disse...

Que texto lindo forte..gostoso de se ler..
beijão

Metalwizard disse...

Você sempre maliciosa, deliciosa e magnífica! Bjs.