sexta-feira, 21 de novembro de 2008

Minhas coxas...


Minhas coxas separam-se
se abrem efusivas
se mostram ingênuas
crianças indefesas...
Saltam de mãos dadas
traquinas...
Implodem os mastros
esfregam vadias...
Lambuzam as caras
misturam o tempero
lascivas...
Se juntam
concubinas...
Putas de alcovas
lobas no cio...
Trepam nos machos
enfiam... injetam...
E mais expostas
Sodomizam...

Ingênuas.

Um comentário:

suavesencantos disse...

deliciosíssimas coxas,


bjs.