sábado, 15 de novembro de 2008

Será isso poesia?


Cabelos molhados e escorridos
cheirando à chuva fina e trançada...
Pele eriçada e viçosa
na andarilha graciosa...
Águas escorregadias
leves e finas...
Molhando a camiseta colada...
Respingos no rosto
e o beijo de língua...
Lambendo as gotículas libertinas...

Um comentário:

Dando a Bunda pra Bater disse...

Pode até nem ser poesia... mas é uma obra de arte!

Abraços,

Enfil