quarta-feira, 4 de março de 2009

Ajoelho-me ao meu senhor...


Vem... vem de língua...

Friccione as minhas ancas
feito as ogivas medievais...

Sinta o latejar em delírios
os sons e os grunhidos

Veja-me através da boca entreaberta...

e s c o r r e n d o ...

Uma baba em fios deleitando-se
calafrios em minhas costas
eriços nos pêlos

Enleve-me por entre os dedos
um toque... um aperto... um deslize...
nas coxas que se agitam em roçares...

e s c o r r e n d o ...

Sou-me água em desvario
rios e mares em línguas de espumas
beijos ardendo em tua boca desnuda...

e s c o r r e n d o ...

Abra bem as tuas coxas e chama-me
sinta o que te molha e o que te prende...

e s c o r r a - s e...

mas não vagueie sobre as ondas
pois bem sabes que sou a única
o prelúdio, a presa e a refém...

i n v a d a - m e ... sem dó nem piedade.

e de cunho e de escriba... marca-me...

Vício & Dor

19 comentários:

Anônimo disse...

Puta que pariu! deliciosa!

V disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
EU SOU NEGUINHA disse...

Noossa...
Linda poesia...
Beijos da Nega

{Nanda}_A disse...

Gente...
isto está de tirar o folego...
que delicia...

beijos

A Lobba! disse...

UAU...excitante por demais!
Agradeço a visita e por seguir-me!
Lambidas da lobba!

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Adorei!

gabyshiffer disse...

Muito lindo poema
desejos escritos na pele...
Boa tarde pra vc amiga
Beijos

Olavo disse...

Tem selo e uma homenagem lá no meu blog..
Beijão

Avassaladora disse...

Uau! Vim conhecer e me encantei...
Que poemas!
Provocação total...rsrsr
Fotos lindas !


Beihos avassaladores

Um observador disse...

Muito bom seu blog, de belas imagens, belos textos, uma mulher se revelando.
Farei dele leitura constante.

Anônimo disse...

fêmea gostosa de muitos nomes, de muitas taras, de muitas letras. Mulher que me dá prazer a toda hora. Vc sabe quem eu sou.

Anônimo disse...

Meu Absinto...

Um observador disse...

A mocinha é submissa de fato?

Xana disse...

Ser submissa e se amada assim deve ser um prazer mesmo!!
Ai que coisa!!rs

Mário Margaride disse...

De cada vez que aqui venho, fico com o sangue fervendo nas minhas veias.

Mais escaldante e bem concebido poema!

Beijinhos...

Mário

Paulo Tamburro disse...

"Vem... vem de língua..."

VOU ESCREVENDO NA PELE, VOU.

NÃO SEI SE AO FRICCIONAR SUAS ANCAS (E QUE ANCAS!!!) FEITO AS OGIVAS MEDIEVAIS A IREI SATISFAZER.

ALIÁS, ESCREVENDO NA PELE QUE DIABO E ESTE DE "OGIVAS MEDIEVAIS'?

SENTIREI SIM O LATEJAR EM DELÍRIOS( OH MY GOD, MINHA PRESSÃO ARTERIAL ESTÁ INDO AOS PÍNCAROS, IMAGINE O RESTO).

QUANTO AOS SONS E GRUNHIDOS EMITO QUALQUER UM PARA AGRADAR-LHE: SERVE O LATIDO MÁSCULO DE UM PITBUL, OU O ROSNAR AMEAÇADOR DE UM TRIGRE DE BENGALA, COM A REFERIDA EM ESTADO CRÍTICO DE ENRIJECIMENTO?

'QUE QUERES TU DE MIM", JÁ DIRÍA O SAUDOSO CANTOR ALTEMAR DUTRA?

"PAI, AFASTA DE MIM ESTE CÁLICE", SEGUNDO CHICO BUARQUE.

OU AFASTA OU TRÁS LOGO PRA PERTO DE MIM...

ESCREVENDO NA PELE , DESCULPE NÃO SOBRAR TEMPO PARA FALAR SOBRE SEUS MARAVILHOSOS REBENTOS, MAIS VOU TER QUE DAR UMA SAIDINHA ESTRATÉGICA.

SE É QUE ME FIZ ENTENDER(RS)!!!



Sinta o latejar em delírios
os sons e os grunhidos

Giselle Sato disse...

Excelente...sensualidade pura em entrega...

Prince Cristal disse...

Voce a cada dia se torna mais sedutora e deliciosamente excitante.
bom final de semana

{ÍsisdoEgito}JZ disse...

Posso dizer que teu blog é sensual e interessantissimo!

Começarei a segui-la e me adinato linkando o teu ao meu blog, caso não lhe seja conveniente, é so me falar, ok?

Parabéns pelos belos textos, e imagens

Beijos carinhosos,
{ÍsisdoEgito}JZ