quarta-feira, 20 de maio de 2009

Quando viras de lado


E quando viras de lado
penso que a perfeição tem morada
nos flancos atirados...
E quando deitas de lado
penso no pecado...
quantas Evas e quantos Adões
pousariam-te as mãos
num afago idolatrado?
E quando põe-se de lado
penso nos corpos esculpidos
por formões mais atrevidos
E finalmente quando te viras
bem assim... de lado
me deixas atordoado
pela beleza displicente
e tão dissimulada...

Posted by Absinto.

8 comentários:

LEO disse...

Menina cade vc?
passei por aqui para deixar um beijão!
LEO

Pucca disse...

Adorei as mudanças...
E o texto também, óvio...rs...

:)

Roberto Ney disse...

Palavras tão intensas merecem mesmo serem difundidas aos ouvidos voluptuosos...

Passei aqui para informar-te sobre o novo espaço chamado "biografias horizontais", criado para discutir assuntos relevantes sobre o sexo e temas afins. Conto com a sua participação.
Grande abraço!
http://biografiashorizontais.blogspot.com/

Ernani Netto disse...

De lado é uma delícia de se ver, bom pra dormir juntinho... ai ai ai delícia!!

Bjaum

Stein Haeger disse...

...E como controlar a minha intumescencia, se devido as aliencias expostas ao virares de lado, um orifício digno de veneração por entre morros globosos...

Y disse...

Admirar o corpo de uma mulher é bom não só de lado, mas de frente também, pra ficar vendo o sorriso!

Belo texto!

Ric disse...

De ladinho é gostoso mesmo... vamos?

Beijo.

Olavo disse...

Puxa..me abandonou..
beijos