quarta-feira, 19 de agosto de 2009

"Pedidos"


pedia sorrateira
que o meu hálito passeasse
pela sua nuca em desespero

deitou-se lânguida
mostrou-me as costas
uma clareira de pelos

deixei-me ficar por uns instantes (apenas)
e (até) uns momentos deixei-me calar

pedia... pedia meiga
que a minha língua fosse o acalanto
daquelas ancas escorregadias
pelos suores de pirilampos

ela sempre pedia...

e vi os astros deitados
sobre os vãos de suas coxas
e vi a poesia embriagando-a
como se os lilases
desmaiassem de euforia

eu a recitei
ganhei o céu
e virei monja

. . .


Posted By Murmúrio.

9 comentários:

Marcio disse...

Não tem coisa melhor para se começar o dia.
Belo texto e foto.
Beijos,

Luxúria sentida... disse...

lindo...
bjs de luxo

Blue disse...

E perdido assim, começo meu dia!

Beijos

Ric Dexter disse...

Pedidos atendidos, desejos saciados.

Beijo!

Isaias Edson Sidney disse...

Hoje, humilde seguidor/beijo teus pés/querendo mais...

Blue disse...

Perdido entre pares e ímpares, estou aqui deixando meu ratro...

Beijos

Bia Maia disse...

Ulaláaaaaaaaaaaaa!...

Demais este seu blog!
Passo a ser sua seguidora!
Meus parabéns !!

E lhe convido a conhecer meu cantinho, onde escrevo com muito amor as minhas verdades...

Beijos,

Bia Maia

http://olhardentrodosolhos.blogspot.com

Stein Haeger disse...

Maravilhosa!! instigante a sua inspiração e esta foto é uma tentação, um convite a invasões desbravadoras, por caminhos proibidos.

ángel disse...

Precioso blog. Un gusto descubrirte.


Saludos...